OS PERIGOS QUE RODAM SEU PET NO NATAL E ANO NOVO…

gato-e-natal-3

Cães e gatos são animais que estão acostumados com uma rotina e gostam disso, acreditem! Porém, no Natal e Reveillon os nossos pets ficam um pouco desorientados por causa de algumas mudanças no ambiente… alguns animais adoram conhecer novas pessoas e receber convidados na casa, mas para outros isso é muito estressante, principalmente no caso dos felinos. Por isso, fiquem de olho nos nossos amiguinhos, para que possa entender como ele está lidando com essa novidade, e então agir adequadamente.

                Nesta época há muitos objetos desconhecidos e diferentes tipos de alimentos e bebidas em nossas casas, e isso pode gerar um grande problema. Arvores de Natal e enfeites, são tentadores para os nossos amigos… e por que não brincar com elas e depois experimentar para ver se é gostoso? Além disso, jamais ofereça as comidinhas da ceia ara seu animal… Pode ser que seu peru esteja divino e a maionese seja light, mas nada de compartilhar com eles! Um dos maiores problemas que vemos na clinica veterinária nesta época é justamente as gastroenterites causadas pelos “pedacinhos” dessas delicias oferecidas… afinal, você não vai querer que seu amiguinho tenha vômitos, cólicas abdominais e diarreias não é mesmo?

Isso significa que é extremamente importante estar atento mas a boa notícia é que, tomando algumas precauções básicas, não há absolutamente nenhuma razão para que nossos amigos peludos não possam desfrutar da temporada festiva tanto quanto todos nós. Abaixo seguem os 10 perigos mais comuns e que temos que ficar mais atentos neste período:

Ossos – Uma vez que eles foram cozidos, os ossos se tornam frágeis e lascam facilmente, o que pode causar vários tipos de problemas para animais de estimação. Além disso, os ossos de peru são ocos, de modo que eles se estilhaçam facilmente, independentemente de serem cozidos ou crus, e nunca devem ser oferecidos a animais de estimação.

cachorro-e-natal-2

Panetones e Bolos de Natal  – Bem como estar cheio de gordura e geralmente contêm passas e nuts (amêndoas, nozes…) que podem levar a vômitos e diarreias.

Chocolate – Isto é particularmente perigoso para animais de estimação, pois pode causar intoxicação alimentar, levando a quadros de gastroenterites hemorrágicas severas.

Nozes – Embora se tornem muito comuns nesta época do ano, nozes não devem ser oferecidos para animais de estimação. Amêndoas e pistches podem causar gastrites ou até mesmo obstruções em esôfago… além disso, algumas “nuts” como: macadâmias e certas nozes podem ser tóxicos, causando convulsões ou alterações neurológicas.

cachorro-e-natal

Árvores de Natal – Certifique-se de que estes estão de pé em uma base resistente para que eles subitamente possam de cair se forem “atacados”  por um gato ou derrubado por um cão, o que poderia ferir o animal, bem como qualquer outra pessoa que está por perto.

Farpas de Pinhas – Caso você pegue para enfeitar sua casa, aquelas pinhas lindas de Natal, certifique-se de que estão limpas, livres de espinhos e/ou farpas. Isto porque, logo que eles caem podem tê-los e acabar furando as patinhas do seu animal.

Plantas sazonais – azevinho podem causar problemas intestinais, se forem comidos, por isso mantê-los bem longe de animais de estimação.

Árvores de Natal – Certifique-se de que estes estão de pé em uma base resistente para que eles subitamente possam de cair se forem “atacados”  por um gato ou derrubado por um cão, o que poderia ferir o animal, bem como qualquer outra pessoa que está por perto.

gato-e-natal-2

Fitas e Laços – Estes são muitas vezes atraentes para animais de estimação, e particularmente os gatos, mas se forem engolidos eles podem causar obstrução intestinal e cirurgia poderia ser necessária para removê-los.

Álcool – isso nunca deve ser dado aos animais de estimação e também é importante pensar se ele foi usado em uma receita, antes de alimentar um animal de estimação.

Convidados – Finalmente, não tenha medo de pedir aos convidados para não alimentar seus animais de estimação, especialmente porque muitos donos de animais não podem entender os riscos associados com certos tipos de alimentos.

Tendo tudo isso em vista, aproveite bastante as festas pertos dos maiores amigos que o homem pode ter! E se quiser dar algum “agradinho” no dia para eles, consulte antes seu veterinário! É melhor prevenir do que remediar!

Dra. Gabriela Vieira – clínica geral e medicina de felinos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s