Os Gatos obesos e o risco da diabetes

gato obeso bebendo agua

A cada ano cresce o número de gatos em ambiente domiciliar e junto com este crescimento vemos aumentar também uma vilã silenciosa, que traz para esses adoráveis notáveis múltiplos problemas: a obesidade. Como são animais que tendem a ser menos ativos que cães seja por falta de estímulo por parte dos tutores, seja por ficarem restritos ao domicílio, nossos pets felinos tornam-se sedentários, e junto com o sedentarismo vem a obesidade.

Alguns dados já demonstram que cerca de 30 a 40% da população felina é considerada obesa, ou seja, apresentam mais de 30% do peso corporal considerado ideal. E a obesidade traz uma série de problemas, dentre eles, um que cresce igualmente, que é a diabetes.

A diabetes é uma doença multifatorial, e um dos fatores atribuídos a ela é justamente a obesidade. Vemos aumentando o número de pacientes felinos diabéticos por estarem com muitos quilinhos a mais.

Tanto a obesidade quanto a diabetes são doenças que atrapalham o bom funcionamento do figado, prejudicam os rins, diminuem a imunidade e a qualidade de vida de nossos bichanos. Por isso, não devemos descuidar do peso dos nossos amigos e o veterinário deverá ser o melhor parceiro na orientação sobre o peso e complicações atribuídas ao excesso dele!

Dr. Rodrigo Brum

Dr. Rodrigo é sócio fundador da ABEV (associação brasileira de endocrinologia veterinária) e Mestre em Ciências da Saúde. Ele atende no setor de Endocrinologia Veterinária da Clínica Vet Care às 3as e 5as feiras, mediante agendamento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s