Dislipidemias – Você já ouviu esse nome antes?

Dislipidemia: Nome grande que talvez você nunca tenha ouvido falar. E colesterol? Triglicerídeos talvez? Agora soou mais familiar, não? A dislipidemia é a alteração no metabolismo dos lipídeos (gordura), podendo gerar aumento (mais comum) ou diminuição dos níveis de colesterol e/ou triglicerídeos. Os casos mais frequentes de dislipidemias são as Hiperlipidemias. 

Hiperlipidemia é um termo que diz respeito ao aumento no sangue de colesterol e/ou triglicerídeos. Isso mesmo. Enquanto humanos, não somos espécie exclusiva a apresentar tal alteração, cães e gatos também podem apresentá-la. Existem algumas classificações de Hiperlipidemias. Das mais comuns temos a pós-prandial, que é fisiológica, ocorrendo após a alimentação e se resolve num período que varia de 2 a 12 horas (daí a importância de jejum alimentar para alguns exames); a primária, que ocorre por defeitos congênitos no metabolismo dos lipídeos. Para esta última chamamos atenção para raças como Schnauzer que apresentam certa predisposição. Existe também a hiperlipidemia secundária, que pode acontecer por conta de distúrbios hormonais (como diabetes, hiperadrenocorticismo, hipotireoidismo) ou até mesmo uso de certas medicações e aqui podemos citar como exemplo a famosa cortisona e até mesmo anticonvulsivantes.

Alguns sinais clínicos podem estar associados a essa alteração como vômitos, diarreia, dor abdominal, cegueira, convulsões. Alguns pacientes podem desenvolver inclusive uma doença que é extremamente grave em consequência da hiperlipidemia: a pancreatite!!

O diagnóstico é feito a partir da dosagem no sangue das concentrações de colesterol e triglicerídeos do paciente. Mas uma vez detectada alteração, o que fazer? Deve-se iniciar tratamento e o “pulo do gato” é saber qual o tipo de hiperlipidemia que seu animal está apresentando! Ou seja, restringir apenas a medicar o animal não é suficiente. É preciso saber a causa para melhor tratar, controlar e até evitar que ele volte a apresentar novamente!

E você? Sabe como anda o nível de gordura de seu melhor amigo?

Dr. Rodrigo Brum Lopes – especialista em endocrinologia Veterinaria da Vet Care e sócio fundador da ABEV

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s